Lógica para a aquisição de uma Tenere 250

Aqui estarão reunidas todas as informações a respeito da Ténéré 250
Avatar do usuário
Street250
Usuário+
Usuário+
Mensagens: 217
Registrado em: 06 Set 2016, 14:34
Cidade onde mora: My House - SP

Lógica para a aquisição de uma Tenere 250

Mensagem por Street250 » 08 Jun 2017, 11:01

Galera, resumindo...

De um bom tempo para cá estou cogitando comprar uma Tenere para poder me deslocar para o trabalho (menos de 500m da minha casa rsrs), resolver alguns corres durante a semana ou fds, pois sempre gostei de moto trail, já tive algumas e sabemos que para esse estilo de moto, não tem chão ruim, sem falar do conforto. Já tive motos “4 caneco” e prefiro o conforto de uma trail do que a potência de uma naked, ss.

Bem, uso uma Factor ED 125 ED que comprei 0km em 2014 para o dia-a-dia. Moto muito gostosa de andar, econômica e de fácil manutenção, mas infelizmente algumas ruas me limitam a passar no “conforto” devido as buraqueiras e imperfeições da pavimentação, tomando solavancos e chacoalhadas. E olhem que a Factor é a mais macia e confortável da categoria 125/150.

Passei 8 anos com uma XT600E 2002 e passava nas lombadas e buracos a milhão. Torcia o cabo pra sentir o cilindro encher e a doidona tremer. Atualmente também tenho uma XT660R 2015 e essa infelizmente se tornou moto para sair uma vez ou outra, até mesmo pelo índice de roubos e assaltos desta moto.

Dai fico imaginando se realmente compensa comprar uma moto de mais de R$ 16.000,00 para o dia-a-dia e nas condições que citei no primeiro parágrafo. É o mesmo que comprar uma SUV para dar uma volta no quarteirão. Creio que o custo beneficio não irá compensar. As peças da Factor são bem mais baratas que a da Tenere. Não quero moto para viagens longas, acima de 500km. No máximo em algumas cidades vizinha.

A Factor está com 33.000km e um amigo que tem loja está interessado, devido ao excelente estado de conservação. Sei que quanto maior o km mais dificil de vender e sei que se eu comprar uma Tenere e quiser vendê-lo, ele compra.

Bem, gostaria de saber de vocês:

1) Quantos km rodam todo dia até o trabalho
2) Se usam apenas para locomoção diária e/ou para viagens longas ou curtas
3) Na cidade onde reside, qual a qualidade da pavimentação

Se vocês estivessem na mesma dúvida que eu, o que fariam?

Obrigado a todos
Motos atuais
Yamaha Factor ED 125 2014
Yamaha Tenere 250 2017
Yamaha XT660R 2015 "XT cabulosa quase nada... Só meio assustadora quando tá na madrugada"

Avatar do usuário
FMainieri
Usuário
Usuário
Mensagens: 106
Registrado em: 02 Mar 2016, 10:24
Cidade onde mora: Rio de Janeiro / RJ
Localização: Rio de Janeiro
Contato:

Re: Lógica para a aquisição de uma Tenere 250

Mensagem por FMainieri » 08 Jun 2017, 12:28

Boa questão, Street Man!!!

Rapaz, eu seria prático (sou de exatas!! rsrs) venderia a Factor e pegaria uma XTZ 125 ou uma Lander 250 mais antiga, para esse deslocamento simples e uso mais tranquilo. Não vale a pena empatar o custo de uma Tenere ali, na minha opinião.

Na verdade seria o que teria feito se o Temer Golpista não tivesse liberado umas pratinhas de conta inativa. Pegaria uma Lander 2008 / 2010 pra rodar aqui na cidade e umas viajadas mais curtas (aquele banco é de lascar a bunda!!!). Massssssssss...

Moro a 8 Km do trampo e não venho de moto todo dia, pois tenho metrô nas duas pontas, buzão também me serve bem. Viajar de moto é lei e a pavimentação aqui no Rio vai de tapete, passando por meia boca e indo até off road! rsrsrs


Abração,
Francisco...




Street250 escreveu:Galera, resumindo...

De um bom tempo para cá estou cogitando comprar uma Tenere para poder me deslocar para o trabalho (menos de 500m da minha casa rsrs), resolver alguns corres durante a semana ou fds, pois sempre gostei de moto trail, já tive algumas e sabemos que para esse estilo de moto, não tem chão ruim, sem falar do conforto. Já tive motos “4 caneco” e prefiro o conforto de uma trail do que a potência de uma naked, ss.

Bem, uso uma Factor ED 125 ED que comprei 0km em 2014 para o dia-a-dia. Moto muito gostosa de andar, econômica e de fácil manutenção, mas infelizmente algumas ruas me limitam a passar no “conforto” devido as buraqueiras e imperfeições da pavimentação, tomando solavancos e chacoalhadas. E olhem que a Factor é a mais macia e confortável da categoria 125/150.

Passei 8 anos com uma XT600E 2002 e passava nas lombadas e buracos a milhão. Torcia o cabo pra sentir o cilindro encher e a doidona tremer. Atualmente também tenho uma XT660R 2015 e essa infelizmente se tornou moto para sair uma vez ou outra, até mesmo pelo índice de roubos e assaltos desta moto.

Dai fico imaginando se realmente compensa comprar uma moto de mais de R$ 16.000,00 para o dia-a-dia e nas condições que citei no primeiro parágrafo. É o mesmo que comprar uma SUV para dar uma volta no quarteirão. Creio que o custo beneficio não irá compensar. As peças da Factor são bem mais baratas que a da Tenere. Não quero moto para viagens longas, acima de 500km. No máximo em algumas cidades vizinha.

A Factor está com 33.000km e um amigo que tem loja está interessado, devido ao excelente estado de conservação. Sei que quanto maior o km mais dificil de vender e sei que se eu comprar uma Tenere e quiser vendê-lo, ele compra.

Bem, gostaria de saber de vocês:

1) Quantos km rodam todo dia até o trabalho
2) Se usam apenas para locomoção diária e/ou para viagens longas ou curtas
3) Na cidade onde reside, qual a qualidade da pavimentação

Se vocês estivessem na mesma dúvida que eu, o que fariam?

Obrigado a todos

Thiago_1100S
Mestre
Mestre
Mensagens: 833
Registrado em: 10 Nov 2014, 22:08
Cidade onde mora: guarulhos/Sp

Re: Lógica para a aquisição de uma Tenere 250

Mensagem por Thiago_1100S » 08 Jun 2017, 14:44

Street250 escreveu: 1) Quantos km rodam todo dia até o trabalho
2) Se usam apenas para locomoção diária e/ou para viagens longas ou curtas
3) Na cidade onde reside, qual a qualidade da pavimentação

Se vocês estivessem na mesma dúvida que eu, o que fariam?
1) ida e volta entre 60 e 150, depende se vou para outro escritório da empresa ou se preciso ir em algum cliente, adquiri a minha em abril de 2014 e hj está com 52k, peguei ela com 1050 rodado (zerada)
2) somente locomoção diária, como ando garupado, peguei estradas algumas vezes pela economia e me arrependi, falta força para manter os 120 da via estando com garupa, e assim ela chegou a fazer menos de 20 por litro, nesse caso melhor ir com a moto de passeio que mantendo entre 120 e 150 faz 22 por litro, fora o prazer de pilotar sem cansar.
3) sou de Guarulhos e atravesso SP inteira para o trabalho, tem de tudo no caminho, asfalto bom, ruim, lombada, buraco, bueiro baixo, tartaruga.

Na sua situação eu não trocaria, principalmente por trabalhar muito perto, na verdade iria a pé essa distancia, pois gosto de andar :D

Quando eu peguei a tenere, foi por que apareceu essa que é 12/13, com 1 ano e dois meses da nota fiscal de compra e pouco mais de 1k rodado, alem de o antigo dono ser amigo da família a mais de 30 anos.
Eu andava o mesmo que hoje, reclamando do piso irregular igual a você, mas com uma twister na qual eu era o dono número x (desconhecido).
Havia um amigo meu querendo sair de uma 125 chinesa para uma twister que me ofereceu 5k na minha tutu 03/04, era a tabela exata dela no ano/mes que vendi.
A tenere foi 12k, ja com rodas de alumínio, piscas cristais, bateria yuasa nova trocada no dia que me entregou a moto, e revisão feita na yamaha antes da entrega tbm.

Como vc pode ver a história da minha foi similar troquei uma street por uma moto alta mais nova, só que a diferença de preço foi menor que no seu caso, para uma moto que na época era quase 10 anos mais nova, a nova não custou o mesmo que uma moto top usada....

Eu particularmente não recomendo mais tenere nova p quem vai usar pouco, pois a duas semanas um amigo comprou uma bmw F800 com 10 mil km por 17 mil, com todos os carimbos no manual por tempo e não por km, se vai usar pouco compra logo uma moto top que vai dar conforto p viagens tbm...
A tenere eu só recomendo ainda para quem vai rodar muito e precisa de baixo custo de manutenção, hoje contando desde seguro/docuemtno até gasolina a minha tem um custo de 31 centavos por km rodado.

Avatar do usuário
KANEKO
Mestre-
Mestre-
Mensagens: 689
Registrado em: 11 Jan 2015, 14:43
Cidade onde mora: Valinhos/SP

Re: Lógica para a aquisição de uma Tenere 250

Mensagem por KANEKO » 08 Jun 2017, 16:38

Fala street.

1) Quantos km rodam todo dia até o trabalho
2) Se usam apenas para locomoção diária e/ou para viagens longas ou curtas
3) Na cidade onde reside, qual a qualidade da pavimentação

1-60 km por dia ( 80 % pista e 20 %cidade ) esse foi o principal motivo de pegar a tenebrosa pois ir de cg tava me cansado as costas sem contar que precisava forçar ela para ela acompanhar a velocidade da via.
2- uso para tudo ir ao trabalho / ir jogar bola / viajar também kkkkk
2- depende do trecho desde a tapete e ruas que parece que passo uma escavadeira kkkkkk e paralelipípedo .

A vantagem que vejo na tenere no seu caso que você teria uma moto com um leque maior de possibilidades ( poderia viajar com ela por exemplo) mas se vai ficar só na cidade mesmo eu pegava uma trail menor xtz ou bros.
E se for pegar uma tenere compraria uma usada em bom estado uma zero ta mais de 16 mil ( não vale o preço ).

Brappp

Avatar do usuário
FMainieri
Usuário
Usuário
Mensagens: 106
Registrado em: 02 Mar 2016, 10:24
Cidade onde mora: Rio de Janeiro / RJ
Localização: Rio de Janeiro
Contato:

Re: Lógica para a aquisição de uma Tenere 250

Mensagem por FMainieri » 09 Jun 2017, 09:51

Resumindo tudo, camarada Street250...

Não existe lá muita lógica pra se ter uma moto!!! hahahahaha Olhou, gostou, testou, aprovou, comprou!!!


Abração,
Francisco...

Avatar do usuário
Diney
Participativo-
Participativo-
Mensagens: 326
Registrado em: 03 Jul 2015, 22:59
Cidade onde mora: Sao Paulo/SP
Localização: SAO PAULO - VILA ZELINA

Re: Lógica para a aquisição de uma Tenere 250

Mensagem por Diney » 09 Jun 2017, 12:17

Cara tenho uma ZX10, uma tenere 250 e uma tenere 660.

Muitos levam a ferro esse negocio de economia e custo beneficio, mas eu ja nos meus 52 anos de idade e 40 pilotando motos, desde a epoca que moto era 6 volts e tinha platinado ao inves de ignicao eletronica, digo uma coisa.

Moto e estado de espirito, muitas vezes voce compra uma moto para curtir esse e o melhor custo beneficio, porque esta investidno na tua felicidade, tua realizacao enfim na tua saude.

Se alguem quer comprar uma SUV, superbike para dar volta no quarteirao, no caso desta pessoa ela pode ter comprado para se realizar, ser feliz!

Mas alguem que relamente deseja fazer economia, entao compre uma PCX, Citycon, factor, Titan 160......

Vai economizar horrores.

Eu uso no dia a dia em SP a Tenerezinha, 250, mas quando estou a fim uso a Tenere 660 e nos finais de semana a ZX10.

Abs
MOTOS ATUAIS:
ZX 10
XT 660Z TENERÉ
XT 250 TENERÉ

Avatar do usuário
FMainieri
Usuário
Usuário
Mensagens: 106
Registrado em: 02 Mar 2016, 10:24
Cidade onde mora: Rio de Janeiro / RJ
Localização: Rio de Janeiro
Contato:

Re: Lógica para a aquisição de uma Tenere 250

Mensagem por FMainieri » 09 Jun 2017, 12:50

Pois é, Diney... Faço das tuas minhas palavras.

Moto é isso mesmo o que falaste: "estado de espírito". Já tive de tudo que é estilo, hoje vou no que me é mais racional e mais prático. Tenerezinha anda bem na cidade, me atende bem para pequenas e médias viajadas também (pequena e média leia-se por volta de 1000 km num final de semana).

6 volts? Tive RD, DT 180, Agrale, XLX 250... Cada tranqueira! hahahahaha Bons tempos de aprendizado nesse mundo motociclístico. Até uma herdada GT 750 me caiu no colo a uns bons anos.

Assim que o caixa melhorar, vou voltar para a minha saudosa Versys, para uma VStrom 650 ou alguma coisa que me dê conforto, boa pegada na estrada e relativa autonomia. Vamos ver...


Abração!
Francisco...
Diney escreveu:Cara tenho uma ZX10, uma tenere 250 e uma tenere 660.

Muitos levam a ferro esse negocio de economia e custo beneficio, mas eu ja nos meus 52 anos de idade e 40 pilotando motos, desde a epoca que moto era 6 volts e tinha platinado ao inves de ignicao eletronica, digo uma coisa.

Moto e estado de espirito, muitas vezes voce compra uma moto para curtir esse e o melhor custo beneficio, porque esta investidno na tua felicidade, tua realizacao enfim na tua saude.

Se alguem quer comprar uma SUV, superbike para dar volta no quarteirao, no caso desta pessoa ela pode ter comprado para se realizar, ser feliz!

Mas alguem que relamente deseja fazer economia, entao compre uma PCX, Citycon, factor, Titan 160......

Vai economizar horrores.

Eu uso no dia a dia em SP a Tenerezinha, 250, mas quando estou a fim uso a Tenere 660 e nos finais de semana a ZX10.

Abs

Avatar do usuário
Street250
Usuário+
Usuário+
Mensagens: 217
Registrado em: 06 Set 2016, 14:34
Cidade onde mora: My House - SP

Re: Lógica para a aquisição de uma Tenere 250

Mensagem por Street250 » 09 Jun 2017, 21:21

FMainieri escreveu:Boa questão, Street Man!!!

Rapaz, eu seria prático (sou de exatas!! rsrs) venderia a Factor e pegaria uma XTZ 125 ou uma Lander 250 mais antiga, para esse deslocamento

simples e uso mais tranquilo. Não vale a pena empatar o custo de uma Tenere ali, na minha opinião.

Na verdade seria o que teria feito se o Temer Golpista não tivesse liberado umas pratinhas de conta inativa. Pegaria uma Lander 2008 / 2010 pra

rodar aqui na cidade e umas viajadas mais curtas (aquele banco é de lascar a bunda!!!). Massssssssss...

Moro a 8 Km do trampo e não venho de moto todo dia, pois tenho metrô nas duas pontas, buzão também me serve bem. Viajar de moto é lei e a

pavimentação aqui no Rio vai de tapete, passando por meia boca e indo até off road! rsrsrs


Abração,
Francisco...
FMainieri,

Obrigado pelo palpite.

Infelizmente tá dificil achar uma Lander usada, baixo km e em boas condições. XTZ 125 eu não curto rs.

Thiago_1100S escreveu:
1) ida e volta entre 60 e 150, depende se vou para outro escritório da empresa ou se preciso ir em algum cliente, adquiri a minha em abril de

2014 e hj está com 52k, peguei ela com 1050 rodado (zerada)
2) somente locomoção diária, como ando garupado, peguei estradas algumas vezes pela economia e me arrependi, falta força para manter os 120 da

via estando com garupa, e assim ela chegou a fazer menos de 20 por litro, nesse caso melhor ir com a moto de passeio que mantendo entre 120 e 150

faz 22 por litro, fora o prazer de pilotar sem cansar.
3) sou de Guarulhos e atravesso SP inteira para o trabalho, tem de tudo no caminho, asfalto bom, ruim, lombada, buraco, bueiro baixo, tartaruga.

Na sua situação eu não trocaria, principalmente por trabalhar muito perto, na verdade iria a pé essa distancia, pois gosto de andar :D

Quando eu peguei a tenere, foi por que apareceu essa que é 12/13, com 1 ano e dois meses da nota fiscal de compra e pouco mais de 1k rodado, alem

de o antigo dono ser amigo da família a mais de 30 anos.
Eu andava o mesmo que hoje, reclamando do piso irregular igual a você, mas com uma twister na qual eu era o dono número x (desconhecido).
Havia um amigo meu querendo sair de uma 125 chinesa para uma twister que me ofereceu 5k na minha tutu 03/04, era a tabela exata dela no ano/mes

que vendi.
A tenere foi 12k, ja com rodas de alumínio, piscas cristais, bateria yuasa nova trocada no dia que me entregou a moto, e revisão feita na yamaha

antes da entrega tbm.

Como vc pode ver a história da minha foi similar troquei uma street por uma moto alta mais nova, só que a diferença de preço foi menor que no seu

caso, para uma moto que na época era quase 10 anos mais nova, a nova não custou o mesmo que uma moto top usada....

Eu particularmente não recomendo mais tenere nova p quem vai usar pouco, pois a duas semanas um amigo comprou uma bmw F800 com 10 mil km por 17

mil, com todos os carimbos no manual por tempo e não por km, se vai usar pouco compra logo uma moto top que vai dar conforto p viagens tbm...
A tenere eu só recomendo ainda para quem vai rodar muito e precisa de baixo custo de manutenção, hoje contando desde seguro/docuemtno até

gasolina a minha tem um custo de 31 centavos por km rodado.
Thiago_1100S,

Obrigado pelo palpite

Pense numa pessoa que odeia andar ! kkkkk. Não sou sedentário. Sou ciclista e faço MTB.

KANEKO escreveu:Fala street.

1) Quantos km rodam todo dia até o trabalho
2) Se usam apenas para locomoção diária e/ou para viagens longas ou curtas
3) Na cidade onde reside, qual a qualidade da pavimentação

1-60 km por dia ( 80 % pista e 20 %cidade ) esse foi o principal motivo de pegar a tenebrosa pois ir de cg tava me cansado as costas sem contar

que precisava forçar ela para ela acompanhar a velocidade da via.
2- uso para tudo ir ao trabalho / ir jogar bola / viajar também kkkkk
2- depende do trecho desde a tapete e ruas que parece que passo uma escavadeira kkkkkk e paralelipípedo .

A vantagem que vejo na tenere no seu caso que você teria uma moto com um leque maior de possibilidades ( poderia viajar com ela por exemplo) mas

se vai ficar só na cidade mesmo eu pegava uma trail menor xtz ou bros.
E se for pegar uma tenere compraria uma usada em bom estado uma zero ta mais de 16 mil ( não vale o preço ).

Brappp
Kaneko,

Obrigado pelo palpite.

Pois é... Futuramente vou passar a XT e ficar só com uma moto, para poder fazer tudo, até dar meus passeios.

Melhor ter motor de sobra para qualquer necessidade...

FMainieri escreveu:Resumindo tudo, camarada Street250...

Não existe lá muita lógica pra se ter uma moto!!! hahahahaha Olhou, gostou, testou, aprovou, comprou!!!

Abração,
Francisco...
hahahaha.

Como dinheiro está cada vez mais difícil, temos que segurar a onça pra não fazer cagada e eu, depois de muitos arrependimentos devidos a compras impulsivas, há muitos anos me tornei uma pessoa tão indecisa que você nem imagina rsrs. Penso, penso, penso, penso, para poder fazer a coisa certa

Diney escreveu:Cara tenho uma ZX10, uma tenere 250 e uma tenere 660.

Muitos levam a ferro esse negocio de economia e custo beneficio, mas eu ja nos meus 52 anos de idade e 40 pilotando motos, desde a epoca que moto

era 6 volts e tinha platinado ao inves de ignicao eletronica, digo uma coisa.

Moto e estado de espirito, muitas vezes voce compra uma moto para curtir esse e o melhor custo beneficio, porque esta investidno na tua

felicidade, tua realizacao enfim na tua saude.

Se alguem quer comprar uma SUV, superbike para dar volta no quarteirao, no caso desta pessoa ela pode ter comprado para se realizar, ser feliz!

Mas alguem que relamente deseja fazer economia, entao compre uma PCX, Citycon, factor, Titan 160......

Vai economizar horrores.

Eu uso no dia a dia em SP a Tenerezinha, 250, mas quando estou a fim uso a Tenere 660 e nos finais de semana a ZX10.

Abs
Diney,

Obrigado pelo palpite.

Assim como você e todos, ando de moto desde moleque e realmente quando a gente gosta, a gente não mede esforços, mas eu sou o tipo da pessoa que gosta de investir em algo, em razão do usufruto que irei fazer. Tenho usado mais a razão do que a emoção. Se hoje, eu agisse como antes, teria comprado a Tenere e pronto. Teria ela na garagem apenas para satisfazer a minha vontade.

Desgostei já há um bom tempo de viajar de moto. Tenho preferido ir de carro, o que tem de certa forma me dado mais segurança e tranquilidade.

Eu não penso em "economizar" gasolina, peças e sim, aplicar o meu dinheiro em um bem que realmente mereça ser comprado e usado na sua devida utilidade
Motos atuais
Yamaha Factor ED 125 2014
Yamaha Tenere 250 2017
Yamaha XT660R 2015 "XT cabulosa quase nada... Só meio assustadora quando tá na madrugada"

Avatar do usuário
Street250
Usuário+
Usuário+
Mensagens: 217
Registrado em: 06 Set 2016, 14:34
Cidade onde mora: My House - SP

Re: Lógica para a aquisição de uma Tenere 250

Mensagem por Street250 » 13 Jun 2017, 09:01

Galera,

Tem um rapaz aqui na cidade vizinha vendendo uma Lander 250X Preta, com 10.000km/r, único dono, pneus e relação originais, moto nunca caiu, tem manual e nota fiscal da mesma.

Me entrega por R$ 9.000

Sabemos que a versão Motard é mais durinha que a Lander normal

O que me dizem?
Motos atuais
Yamaha Factor ED 125 2014
Yamaha Tenere 250 2017
Yamaha XT660R 2015 "XT cabulosa quase nada... Só meio assustadora quando tá na madrugada"

Avatar do usuário
FMainieri
Usuário
Usuário
Mensagens: 106
Registrado em: 02 Mar 2016, 10:24
Cidade onde mora: Rio de Janeiro / RJ
Localização: Rio de Janeiro
Contato:

Re: Lógica para a aquisição de uma Tenere 250

Mensagem por FMainieri » 13 Jun 2017, 10:47

Coooooooooompra!

Se estiver realmente assim, jóia rara, compra! Eu cacei uma dessas assim por muito tempo!!!! O preço rá razoável, mas a moto é fueda! Se fores usar pra viajar, vai sofrer com o banco e tanque pequeno, mas pra tudo tem solução!!

Abração,
Francisco...



Street250 escreveu:Galera,

Tem um rapaz aqui na cidade vizinha vendendo uma Lander 250X Preta, com 10.000km/r, único dono, pneus e relação originais, moto nunca caiu, tem manual e nota fiscal da mesma.

Me entrega por R$ 9.000

Sabemos que a versão Motard é mais durinha que a Lander normal

O que me dizem?

Responder