Capacete X11/Givi

Aqui ficarão as informações sobre os equipamentos de proteção que todo motociclista deve utilizar, por amor à sua vida e integridade física.
Avatar do usuário
Davrison
Usuário+
Usuário+
Mensagens: 237
Registrado em: 20 Mai 2015, 08:31
Cidade onde mora: Campinas/SP

Capacete X11/Givi

Mensagem por Davrison » 05 Out 2020, 14:54

Fala pessoal.

Estou na eminencia de trocar meu capacete, só que os preços quase me fizeram cair da moto, quero dizer.. da cadeira...
Acho que pela alta do dólar talvez. Sinceramente, apesar de sua enorme relevância para a segurança do motociclista, acho esses valores muito fora da casinha para um item que se vc levar um tombo e bater com ele no chão terá de trocá-lo.

A única marca na casa dos 699 reais foi o X11 Turner Tropper SV. Não sei são produzidos por aqui, mas, o preço muito menor em relação aos demais me deixou alegre, mas, com um pé atrás. Enfim, alguém ai já usou ou usa? É bom?

O próximo da lista seria o GIVI S21 Challenger na casa dos 1040 reais. Sei que na linha de baús eles são impecáveis, agora sobre capacetes não conheço alguém que tenha.

Seção do descarrego: Meu atual é um Norisk FF345 que foi o primeiro e será o ultimo. Paguei 800 pilas na época e com 1 ano e meio está no mesmo estado de conservação que o meu MT que usei por 4 anos. Comprei na estiagem e demorei pra pegar chuva com ele, quando peguei minha surpresa, escorria uma cachoeira pela viseira, aliás, foi por esse motivo que aposentei o MT, só que ele só fez isso ao fim de sua vida útil. A parte de couro que não é couro já está toda rachada, sem contar o barulho. Ok..ok... eu sei que ele é articulado e que capacetes articulados fazem barulho, mas, esse faz bem mais em relação ao MT que tbm era. Na minha ultima viagem que fiz ao paraná passando pelo rastro da serpente cheguei na casa do meu pai com dor de cabeça. Portanto, to fora de Norisk!!!
"Não se trata de quão forte pode bater, se trata de quão forte pode ser atingido e continuar seguindo em frente. É assim que a vitória é conquistada."
Rocky Balboa


CB500X 2020 Preta
Tenere 250 2011 Preta
NX350 Sahara 1997 Roxa

Avatar do usuário
SREELDIN
Moderador
Moderador
Mensagens: 803
Registrado em: 11 Mar 2013, 13:17
Cidade onde mora: Belo Horizonte-MG
Localização: Belo Horizonte
Contato:

Re: Capacete X11/Givi

Mensagem por SREELDIN » 06 Out 2020, 15:52

Já tive Norisk em 2010 ou 2011, saí de Bh para o PRADO MOTOROCK, cerca de 800km, na metade da viagem se tivesse levado um capacete reserva tinha jogado esse Norisk no mato, nunca mais na minha vida compro essa marca, quando cheguei de viagem vendi o meu e da minha ex esposa e comprei LS2 para alívio da minha cabeça :animadao: :animadao:
___________________________
Alex Fabian
Ténéré 250 2011 preta - Atual
YBR 125 2012
XRE 300 2011 – MOTOTOUR FEST PRADO-BA 2011
XR 250 Tornado 2006
Titan 125 2002
XR 200 2001 – Nordeste do Brasil
Titan 125 2001
XLR 125 1998 – Sul da Bahia 98 e 99

Avatar do usuário
Filipe S
Usuário-
Usuário-
Mensagens: 86
Registrado em: 04 Jan 2019, 20:03
Cidade onde mora: Mariana-MG

Re: Capacete X11/Givi

Mensagem por Filipe S » 09 Out 2020, 11:33

Já deu uma olhada no LS2 Stream Evo FF320?
Pela classificação dele no SHARP, acho que é uma boa.
Mas não é articulado, não sei se isso é item eliminatório pra vc.

Eu estava nesse dilema a pouco tempo.
Queria com pala, óculos interno e mais seguro possível. Acabei pegando um com isso tudo e articulado. O LS2 FF324 Metro Evo.
Eu ia pegar um Stream Evo pra minha esposa, mas na hora ela quis igual ao meu.
Ténéré 250 2014 (moto do tiozão 😆)
YBR 125 ED 2007 (econômica mas maaaanca)😥
CG 125 ES 2002 (a poderosa que deixou saudades)😜
Biz 125 ES 2007 (a moto que mais me jogou no chão) 😬
CBX 250 Twister 2007 (destroyed)😭

Responder